10 dicas para saber como montar e o que levar em um mochilão!

Passagens compradas, estadia reservada, passeios planejados e chega o dia do embarque. Mas, antes disso, chega também a hora de arrumar a bagagem. E a pergunta que não quer calar é “como montar e o que levar em um mochilão?”

via GIPHY

No meu caso, além do mochilão eu levei também uma mochila de ataque (com meus documentos e itens de valor). Muita gente ficou curiosa pra saber como eu fiz pra montar estas mochilas para passar 100 dias fora, por isso resolvi compartilhar aqui 10 dicas para saber como montar e o que levar em um mochilão.

1- Avalie as condições climáticas dos destinos

O lugar onde você vai faz um frio do Alaska ou um calor do Deserto do Sahara? Veja sempre como está a previsão do tempo para não ser pega de surpresa. No meu caso eu sabia que chegaria no final do verão europeu e voltaria no final do outono, ou seja, muito calor e um frio considerável. Como eu odeio passar frio foquei mais nas roupas quentinhas que nas de verão. Resultado: tive que comprar umas roupinhas pra aguentar os dias quentes. Para os dias frios não comprei nada, mas passei bastante frio!

2- Faça uma lista das coisas que você acha que são essenciais

Roupas, sapatos, produtos de higiene pessoal, eletrônicos… liste tudo, sempre colocando a quantidade que você acha que é necessária. As listas são ótimas, pois você pode fazê-la aos poucos e isso te ajuda a não esquecer de levar nada.

3- Assista vídeos ou leia blogs e depoimentos de outros viajantes 

Assim você pode comparar a sua lista e ver se está de acordo com a quantidade que os viajantes de carteirinha costumam levar. Eu pesquisei bastante antes de montar meu mochilão, por isso levei uma bagagem bem completa. Aliás, foi graças a Ana do @pelagalaxia que eu resolvi levar um rolo de durex e adivinhe: foi ele que salvou a minha vida quando a capinha do meu celular começou a desfazer e eu me recusei a comprar uma nova pagando caro em euros.

4- Escolha roupas curingas

Opte por peças versáteis que combinam com várias coisas ou que sejam bastante funcionais, leves, fáceis de lavar e secar. Antes de embarcar no meu sabático eu fiz uma viagem de 1 semana para Porto Seguro e foi nela percebi que algumas coisas que eu achava essenciais não passavam de peso morto. Deixei de levar, por exemplo, uma bermuda jeans para levar uma de lycra, pois era menor, mais leve, dava para usar na praia e embaixo do vestido. Assim eu deixei de levar até aquele shorts modeladores que uso com vestido ou saia pra não assar as coxas (gordinhas entenderão);

5- Capriche na sua necessaire

Artigos de higiene, maquiagem, acessórios… Veja quais são os itens essenciais que não podem faltar no seu dia a dia e na sua necessaire (de maquiagem, por exemplo, eu levei apenas um lápis, um rímel e um quarteto de sombras… que mal usei). Só fique atenta se irá ou não despachá-la, para não correr o risco de ter que jogar suas coisas fora (como pinças, alicates de unha, sprays e líquidos acima de 100 ml). Antes de embarcar, veja sempre quais são os itens permitidos e proibidos no site da companhia aérea.

6- Leve sempre uma “Farmacinha”

Sabe aqueles remédios que você costuma tomar? Dor de cabeça, cólica, alergia, diarréia… a gente nunca quer ficar doente durante uma viagem, mas se acontecer é bom estar preparada. 

Dica: quem mora próximo a capital paulista pode agendar e passar no Ambulatório do Viajante no Hospital das Clínicas ou Oswaldo Cruz. Eu fui e ao ver que eu iria pro Marrocos a médica me receitou um antibiótico e uns sais para tomar em caso de desidratação ou diarréia (contei como foi minha consulta neste post aqui).

7- Utilize Organizador de bagagem

Como eu economizei o máximo que eu podia acabei não comprando, mas já está na minha wishlist este aqui, que além de deixar tudo separadinho também é compressor e diminui o volume dentro da mochila. Uma outra opção mais barata são os sacos a vácuo (que você consegue comprimir usando o aspirador de pó).

8- Otimize espaços

Vai levar um sapato na bagagem? Então já coloque as meias dentro dele e economize espaço. Outros ítens menores também podem ser encaixados nos cantinhos (mas só encaixe aquilo que você realmente PRECISA, ok?)

Outra dica é, se possível, viaje com as roupas e sapatos que são mais pesados e ocupam mais espaço (que implicará em menos peso pra você carregar).

9- Teste

Será que vai caber tudo? A melhor forma de saber é testando. Assim você evita surpresas desagradáveis (especialmente se você é destas que deixa para fazer a mochila na última hora);

10- Leve uma bolsa ou mala de tecido

Levar uma ecobag pode te ajudar bastante (principalmente se estiver indo pra Europa). Como no mercado eles não dão sacolinhas plásticas igual aqui no Brasil, a ecobag te ajudará muito para que transporte suas comprinhas.

Se você é a rainha das lembrancinhas ou gosta de comprar roupas fora, a dica é levar uma mala de tecido. Assim você evita ter que comprar uma nova bagagem pra poder trazer suas muambas. No meu caso eu levei apenas uma ecobag… pulei a parte das lembrancinhas rs

Bônus: Meu mochilão!

Quer saber como ficou meu mochilão? Clique aqui e veja os stories que eu fiz pra compartilhar com vocês!

Eu, mochila, mochilão e a ecobag (chea de merendas) – Interlaken – Suíça

Lembre-se: você carregará esta mochila nas suas costas, por isso pense bem se você realmente precisa de tudo aquilo que está levando.

Anúncios

Deixe uma resposta